O curso de vitrinismo da AEVIVER, com o apoio do IEFP, acaba de se instalar definitivamente na Escola Profissional Amar Terra Verde (EPATV), «espaço que reúne todas as condições para uma formação de elevada qualidade», assinala a vice-presidente da AEVIVER para a área da formação, Ana Almeida, que vinca «o importante apoio e colaboração da direcção da Escola Profissional Amar Terra Verde». Estão enquadrados na formação 20 formandos, essencialmente comerciantes e lojistas das malhas comerciais urbanas do concelho de Vila Verde. A referida acção será dinamizada em 150 horas, estando a sua duração prevista até finais de Março de 2015.

Uma formação com uma forte vertente prática, onde pontua uma aprendizagem massiva sobre aplicações de materiais diversos em montras e espaços interiores de lojas, do papel ao cartão, à madeira e gessos, a outras aplicações.

«Trata-se de uma formação muito completa, com uma vertente prática muito acentuada, levada a cabo por formadores especializados e de elevada craveira, pelo que os comerciantes/lojistas e funcionários que tiveram a sorte de ser enquadrados nesta acção comprovarão que é uma oportunidade única, para mais sem qualquer custo e – para mais – com uma pequena bolsa de formação», refere Ana Almeida. Esta antecipa «uma formação de elevada qualidade» e não tem dúvidas de que «é um passo importante para estes comerciantes e funcionários». De resto, «o nível de satisfação, após os primeiros dias, é muito elevado».

Garante, por fim, que «a AEVIVER continuará a envidar esforços para lançar novas formações, nesta e noutras áreas».